Ganhar Dinheiro

PASSAGENS AEREAS: Ganhar Dinheiro “Vendendo” Milhas Sem Sair de Casa

Como vender milhas sem comprar passagens aereas

Hoje você vai conhecer um método simples que milhares de pessoas estão utilizando para ganhar dinheiro com passagens aereas, sem sair de casa.

Esse método permite qualquer pessoa trabalhar em casa e ter uma renda mensal de 2 mil reais por mês, em média. Com apenas 3 passos simples e poucas horas por mês, você poderá levantar esse valor.

O método consiste em comercializar milhas aéreas, comprando de um fornecedor e vendendo para um site especializado.

A utilização de empresas especializadas nesse processo é muito importante, pois assim você não vai precisar vender passagens aereas para ninguém.

Passo 1: Obter Milhas Aéreas

Cartão de Crédito

A forma mais simples de obter milhas é utilizando os programas de fidelidade das operadoras de cartão de crédito.

As operadoras de cartão de crédito juntamente com bancos emissores e empresas parceiras concedem pontos em troca da utilização dos gastos feitos no cartão. O objetivo é fidelizar o cliente, ou seja, estimular que o cliente continue usando seu cartão durante as compras.

Para consolidar seu benefício, os pontos obtidos precisam ser trocados por algo de valor. Assim, os emissores de cartão de crédito fazem parcerias com empresas para que os clientes possam trocar os pontos obtidos por produtos e serviços.

Um dos produtos que se pode trocar com os pontos de cartão de crédito são as milhas aéreas. As Companhias Aéreas Gol, Latam, Avianca e Azul são as principais parceiras que trocam os pontos por milhas aéreas. Elas também possuem seus programas de fidelidade: Smiles (Gol), Multiplus (Latam), Amigo (Avianca) e Tudo Azul (Azul).

Assim, para você obter milhas através do cartão de crédito você vai precisar de:

Comprar utilizando o cartão de crédito:

Quanto mais você gastar no cartão, mais pontos vai acumular. Mas faça isso com cuidado e evite se endividar com o cartão, pois os juros são os mais altos do mercado.

Ganhar pontos do cartão de crédito:

Verifique se você está recebendo pontos. Se não estiver, verifique com seu banco e se for o caso troque o cartão. Procure também um cartão que dê mais pontos por dólar gasto, pois existem variações no mercado. Existem cartões que dão um ponto por dólar, outros 2 pontos por dólar e até mais.

Cadastrar no programa de fidelidade escolhido:

Escolha uma das empresas faça seu cadastro. Este será o site que ficarão armazenadas suas milhas.

Transferir seus pontos para os programas de fidelidade:

A transferência dos pontos para os programas de fidelidade das companhias aéreas é o “X” da questão. O procedimento varia de cada banco, e você precisará se familiarizar com esse procedimento. Após a transferência ser completada, você deixará de ter seus pontos no banco, e passará a ter uma quantidade de milhas no site do programa de fidelidade escolhido.

Clube de Pontos Livelo

A Livelo é uma empresa que administra os pontos obtidos dos clientes do Banco do Brasil e Bradesco. Mas clientes de outros bancos também podem se cadastrar no site da empresa e se associar à um clube de pontos.

O Clube Livelo nada mais é do que uma assinatura mensal. Você escolhe a quantidade de pontos que quer comprar e é cobrado mensalmente no cartão de crédito cadastrado.

É importante destacar que aqui você estará comprando pontos e não milhas. Para converter seus pontos em milhas, você precisa fazer a transferência para os programas de fidelidade das companhias aéreas, assim como e feito com o cartão de crédito. Além disso, para que valha a pena comprar pontos no Clube Livelo, você vai precisar ganhar bônus na transferência para a companhia aérea. Mas não se preocupe, que é um procedimento importante, mas muito simples de fazer.

Clubes das Companhias Aéreas

Assim como as empresas e emissoras de cartões de crédito, as companhias aéreas também têm seus programas de fidelidade. Só que enquanto que os programas de fidelidade dos cartões emitem pontos, os das companhias aéreas emitem milhas.

Ao voar com uma determinada empresa, o cliente é recompensado com milhas aéreas, conforme o regulamento da companhia. O saldo acumulado em milhas pode ser trocado por outra passagem, e o cliente pode ter alguns vôos “grátis”, pagos com suas milhas.

Mas o Clube de Milhas dos programas de fidelidade permite que qualquer pessoa adquira milhas, mesmo sem nunca ter voado. O funcionamento é similar ao Clube Livelo, mas nesse caso você já está adquirindo milhas e não pontos. Nesse caso, você não vai precisar fazer a transferência do passo 2.

Os principais clubes são: Clube Smiles (Gol), Clube Multiplus (Latam) e o Clube Tudo Azul (Azul).

Passo 2: Ganhar Bônus de Transferência

É aqui que se ganha dinheiro com milhas. Após você obter seus pontos no cartão de crédito e no Clube Livelo, você vai precisar transferir seus pontos para os programas de fidelidade das companhias aéreas, conforme explicado acima, trocando pontos por milhas.

Acontece que esses programas lançam promoções mensais para as transferências. São promoções que dão de 60% a 100% mais milhas do que ganharia se transferisse sem a promoção. Ou seja, você ganha milhas de presente.

Vamos dizer, por exemplo, que você decidiu realizar sua transferência para a Smiles, que está com promoção de 80%. Você tem 5 mil pontos do cartão de crédito e 20 mil pontos do Clube Livelo. Você vai transferir 25 mil pontos. Mas você vai receber 25 mil milhas + 20 mil milhas de bônus de transferência a 80%. Você terá um total de 45 mil milhas para “vender”, mas comprou apenas 20 mil, do Clube Livelo.

Esse bônus de transferência é extremamente importante nesse negócio, pois diminui muito o preço médio pago pelos pontos adquiridos no Clube Livelo. No exemplo acima, o preço médio diminui de R$ 32,50 por mil milhas para 14,45 por mil milhas. Se você vender as 45 mil milhas por R$ 22,00 cada milheiro, terá um lucro total de R$ 339,75.

Passo 3: “Vender” as Milhas em Sites Especializados

Primeiro quero explicar porquê estou colocando o verbo vender entre aspas e porquê cadastramos esse negócio na categoria “Sem Vendas”. O motivo é que você não vai precisar ficar procurando pessoas para comprar suas milhas, como acontece em vendas normais. Você não irá vender passagens aereas para ninguém, diretamente.

Na verdade você estará “vendendo” em sites especializados, que fazem a intermediação entre você e as pessoas que estão comprando passagem aereas. O processo é muito parecido com a venda de ações. Trata-se mais de uma oferta, do que uma venda em si.

Nesse processo, você oferta a quantidade de milhas que quer disponibilizar e o valor de interesse. A medida que as pessoas forem comprando passagens, suas milhas serão consumidas, gerando um valor que será depositado em sua conta bancária.

Muitas coisas não ousamos empreender por parecerem difíceis; entretanto, são difíceis porque não ousamos empreendê-las.
Sêneca

O Comércio de Milhas e Passagens Aereas – Todos Ganham

A emissão de passagens aereas através de milhas é, na maioria das vezes, mais barato que comprar diretamente com reais. No entanto, nem todas as pessoas tem milhas disponíveis, gerando uma demanda por compra de milhas.

Enquanto existem pessoas que querem voar pagando mais barato através de milhas, também existem pessoas que possuem milhas e não querem voar.

Como ponto de encontro, foram criados sites de intermediação, que promovem a compra e venda de milhas e emissão de passagens aereas em suas plataformas. Os mais conhecidos são a MaxMilhas e a HotMilhas.

Assim, comércio de milhas está se consolidando no país. Além disso, é um negócio do tipo ganha-ganha, pois ninguém sai perdendo. Esse comércio possui 5 atores, e todos ganham. Veja a seguir quem são e como ganham dinheiro nesse mercado.

Bancos/Livelo

Os bancos emissores de cartão de crédito e a Livelo são responsáveis por gerar os pontos que serão trocados por milhas. Ganham dinheiro por fidelizar os clientes na utilização do cartão de crédito.

Como em toda transação por crédito ganham comissão, quanto maior o volume de transações, mais eles ganham. A Livelo também ganha dinheiro na venda dos planos do Clube Livelo.

Companhias Aéreas

Embora possa parecer que as companhias aéreas saim no prejuízo, a verdade é que elas são as que mais ganham nesse processo.

Como todo negócio necessita de clientes, a quantidade de milhas no mercado é calculada pelos programas de fidelidade, de forma que não haja mais passagens emitidas por milhas do que passagens emitidas com dinheiro.

Por isso nem nem sempre vale a pena comprar passagens com milhas. Muitas vezes, vale mais a pena pagar em dinheiro pela passagem do que comprar milhas para trocar pela passagem.

A finalidade das milhas para as companhias aéreas é atrair novos clientes e segurar os que já tem. Faz parte do marketing das empresas e já estão precificados nas passagens emitidas por dinheiro.

Passageiros

Mas sempre que fica mais barato emitir uma passagem por milhas, o passageiro ganha na economia. Sempre é bom poupar dinheiro, e falamos muito sobre isso no site Dinheiro e Educação.

Vendedores de milhas (milheiros)

Independente se você apenas vende as milhas do cartão de crédito, ou se tem um negócio profissional de venda milhas, conhecidos como milheiros, você ganha com o lucro líquido da operação.

Sites de Intermediação

Com uma pequena comissão sobre a negociação das milhas, os sites de intermediação acumulam grandes somas pelo volume de transações realizadas. Prova disso é a contratação de famosos para realização de merchandise, como foi o caso da Tatá Werneck pela MaxMilhas. O aumento recente da emissão de passagens aereas através de milhas gerou um grande negócio para essas empresas.

Curso Recomendado

Apesar de ser um método muito simples, é muito importante que você tenha um direcionamento dos passos a seguir, bem como o detalhamento de como aplicar as técnicas de forma segura.

Por isso não podemos deixar de indicar o curso Lucrando com Milhas. É um curso completo que ensina todos os detalhes do negócio através de vídeo aulas. Desde o cadastro nos Programas de Fidelidade, até o recebimento dos lucros. Tudo é muito bem explicado. Além disso o suporte é eficiente e rápido, feito pelos próprios produtores do curso, Erick Galdino e Sergio Di Pietro.

Para você ter uma ideia, o grupo de alunos no Telegram do curso já possui mais de 2 mil integrantes.

Ou seja, são milhares de pessoas ganhado dinheiro no ramo de passagens aereas. A maioria delas nem sai de casa.

Também fizemos um Review sobre o curso. Clique aqui e veja tudo o que achamos do curso.

Lucro Comprovado – R$ 8.465,43 em 5 meses de operação

O administrador do Portal Dinheiro Site, Cláudio Silva, conta em detalhes como obteve mais de 8 mil reais em apenas cinco meses de operação. E tudo isso sem nunca ter comprado passagens aereas. Clique aqui e veja como isso é possível.

Veja também...

Como Ganhar Dinheiro Pela Internet: O Melhor Negócio de Todos

Cláudio Silva

Negócios: Tudo que você precisa saber aqui [EXCLUSIVO]

Cláudio Silva

Marketing Multinível: 5 Pilares Para um Negócio de Sucesso

Cláudio Silva
>